domingo, 18 de abril de 2010

Sofá

Doem-nos os braços, mas subimos as escadas, por baixo do sofá que nos esmagava os calcanhares. Agora, lá está ele, ainda sozinho, a comandar as pinceladas de amarelo berrante.

Sem comentários:

Enviar um comentário